Como aumentar o faturamento do e-commerce? Confira 6 ações

18 de maio de 2020
PUBLICADO EM blog
18 de maio de 2020 Marcelo Rama

Em épocas em que as pessoas evitam sair de casa, serviços de vendas como o e-commerce tendem a crescer cada vez mais. Para se ter uma ideia de como o negócio é promissor, somente entre maio de 2017 e de 2018, de acordo com a pesquisa da BigData Corp, o comércio eletrônico cresceu 12,5% no Brasil.

No entanto, junto ao mercado, cresce também a concorrência. Nesse cenário, você deve estar se perguntando como aumentar o faturamento do e-commerce, certo? Além de excelentes produtos e um serviço de entrega realmente eficiente, você vai precisar de boas ações de marketing, principalmente no meio digital, para captar clientes e gerar autoridade no seu segmento.

Isso tudo é fundamental para aumentar a percepção de valor da sua marca no mercado. Para ajudar a expandir os resultados de seu e-commerce, preparamos este artigo com 5 dicas imperdível. Continue a leitura e confira!

1. Seja ativo nas redes sociais

As redes sociais continuam sendo uma ótima estratégia para conquistar novos clientes para o seu e-commerce. Crie bons conteúdos, mantenha contato com a sua audiência e explore formas diferentes para elevar as vendas.

O Instagram já tem o recurso de loja, no qual você redireciona os seguidores para dentro da sua plataforma de vendas. Mas fique atento, pois é preciso postar nos momentos certos, integrando o site com a rede. Os Stories, em que você pode mostrar bastidores do seu negócio, também devem ser utilizados para gerar mais conexão com o público. Outra medida efetiva para potencializar o seu alcance é por meio de anúncios.

O Facebook também mantém o seu lugar cativo nas estratégias de marketing. Para aproveitar a ferramenta, você também pode lançar uma loja dentro de sua página ou oferecer benefícios ao cliente, como descontos com botões de curtir e compartilhar.

Lembre-se de aproveitar as oportunidades de visibilidade em outras redes sociais, como Twitter, YouTube, e LinkedIn, pois elas também ajudam a gerar leads, dependendo do segmento da empresa. A grande vantagem das redes sociais é que elas divulgam a imagem da sua marca e alcançam mais pessoas interessadas nas mercadorias que você comercializa.

2. Otimize seu e-commerce para mecanismos de busca

A otimização do site é fundamental para que os buscadores, em especial o rei do mercado, o Google, entendam que sua página é relevante e mostrem-no nas primeiras posições no ranque das buscas.

Para isso, são utilizadas técnicas do SEO (Search Engine Optimization, ou “Otimização para mecanismos de busca”). Essa é a principal estratégia para conquistar as primeiras posições de maneira orgânica, ou seja, não paga.

Basicamente, o SEO é uma palavra-chave e um conjunto de termos relacionados que as pessoas usam na hora de fazer as suas pesquisas. Para escolher os termos adequados, é preciso analisar, de forma especial, o volume de buscas orgânicas mensais, o grau de dificuldade de indexação e a dificuldade de ranqueamento.

Uma ótima ferramenta para encontrar as palavras-chaves ideais para o seu negócio é o Google Analytics. Por meio dele, pode-se descobrir quais são os conteúdos do seu site que são mais acessados. Outra opção muito eficiente é o Keyword Planner (planejador de palavra-chave), que ajuda a encontrar as palavras-chave certas para alcançar os clientes.

3. Mantenha um blog com conteúdo otimizado

Produza conteúdos para ajudar as pessoas a entenderem mais sobre os seus produtos. Eles têm de ser de extremo valor para o seu público e esclarecer dúvidas e anseios, bem como resolver as dificuldades dele.

Estabeleça um calendário de postagens constantes e tenha uma linguagem adequada e esclarecedora para gerar leads. Dê atenção especial às abordagens do tema e procure uma linguagem mais próxima do seu consumidor ideal. Utilizar as palavras-chaves e as técnicas de SEO é fundamental para garantir o ranqueamento orgânico.

4. Aposte em campanhas de e-mail marketing

Ao contrário do que muita gente imagina, o e-mail ainda é uma importante ferramenta de marketing que pode trazer resultados muito positivos para o seu negócio. Caso queira reduzir o índice de carrinhos abandoados, por exemplo, você pode enviar e-mails de incentivo com lembretes, descontos ou fretes grátis.

Campanhas de vendas e promoções também podem ser reforçadas com a ajuda dessa ferramenta. Além disso, você pode informar a seus clientes sobre mercadorias que eles já demonstraram interesse e cujo estoque esteja no final. Use a criatividade para criar conteúdos que realmente atraiam e chamem a atenção do cliente a fim de que ele visite seu e-commerce.

5. Aposte no pós-venda do seu e-commerce

Um atendimento diferenciado é essencial para a fidelização dos clientes. Muitos donos de e-commerce concentram seus esforços apenas na aquisição de novos consumidores e não dão a devida atenção aos seus clientes ativos.

Não é novidade que conquistar um cliente é mais bem mais caro do que manter o atual. Por isso, os esforços de fidelização são tão importantes, sendo preciso encontrar meios para buscar a satisfação do consumidor.

Além de um atendimento de pós-venda de excelência, é importante ouvir os seus clientes para entender suas necessidades e oferecer a solução de que ele precisa. Interagindo com eles de forma ativa, fica mais fácil melhorar seus produtos e, como consequência, as classificações do e-commerce e as vendas.

Uma forma eficiente de fazer isso é apostando em respostas rápidas por meio de plataformas de atendimento aos clientes com chatbots e automação. Porém, é sempre bom lembrar de que o consumidor se sente mais confiante quando consegue conversar com pessoas. Mantendo um bom atendimento em todas as etapas do processo, incluindo o pós-venda, você vai perceber que as conversões serão muito mais prováveis.

Como vimos ao longo desta leitura, aumentar o faturamento do e-commerce é possível com estratégias de marketing. Para que elas sejam realmente efetivas, é sempre importante pensar nas necessidades e preferências do seu consumidor, oferecendo a ele uma boa experiência de compra. Além disso, em uma boa estratégia não pode faltar um atendimento de pós-venda eficiente, já que a fidelização é o caminho para a consolidação da empresa no mercado.

Se você gostou deste post sobre como aumentar o faturamento do seu e-commerce, confira também este sobre cadeia de valor e eficiência.