5 de junho de 2016 Marcelo Rama

A gestão de redes sociais é uma solução que visa criar relacionamento e conexão entre sua empresa e usuários da internet, além de promover visibilidade e gerar valores mútuos.

Atualmente o número de empresas que se interessam por esse método de comunicação vem crescendo exponencialmente, pois é cada vez mais intensa a presença dos brasileiros no mundo digital. Abaixo levantamos alguns números para que você se convença hoje mesmo sobre o enorme potencial da internet e das redes sociais no mundo corporativo:

info

Você alguma vez já se perguntou: “Onde meus clientes estão?” Mesmo sem saber exatamente qual seu ramo de atividade, certamente fazer a gestão de redes sociais será um tiro certeiro.

Um dos principais pontos positivos e diferenciais do marketing digital em relação a outros meios de divulgação convencionais é a mensuração de resultados. Quando se anuncia em uma Campanha de Google/Bing Ads, ou mesmo realizando Gestão de Redes Sociais, é possível entender exatamente o que aconteceu com a verba investida.

1

– Quantas pessoas realmente visualizaram seus anúncios;
– Quantas pessoas entraram no seu site a partir desses anúncios;
– Quantas compras aconteceram a partir das suas redes sociais;
– Quantos e-mails foram adquiridos;
– Qual nível de conexão e fidelização dos seus clientes;
– Qual o perfil exato das pessoas que estão sendo impactadas;
– Qual dia, horários e tipo de postagem que possui melhor aproveitamento;
– Como os usuários enxergam sua empresa.

2

É importante entender com quem você estará se comunicando, estudar o seu negócio, tanto internamente para definir seus pontos fortes e fracos, como também o macro ambiente, definindo suas ameaças e potencialidades em relação aos concorrentes. Dessa forma você poderá extrair os melhores frutos das redes sociais.

Tão importante quanto entender o mercado a sua volta, é saber “para quem falar”, e “o que falar”. Para isso precisaremos definir o Avatar da campanha.  Através dessa definição, saberemos qual o perfil das pessoas, quais os seus maiores medos, quais os sonhos deles, quais as dificuldades e etc. E quando se desenvolve um conteúdo tendo ciência desses pontos, a assertividade fica infinitamente maior.

A criação de textos próprios é algo de extremo valor para que se consigam resultados. ‘Copiar e colar’ é muito prático, assim como compartilhar conteúdo, mas entenda que a geração de conteúdos próprios com utilização de Gatilhos Mentais, entre outra armas de persuasão de copywriting, vão te gerar autoridade em seu setor.

3

Aposte em ferramentas novas, e em tudo aquilo que o Instagram e Facebook te possibilitam.
Vídeos estão em alta, e fazem com que o usuário fique mais tempo na sua página, aumentando assim o Edgerank (Clique aqui para saber mais sobre Edgerank) e a pontuação da sua fanpage. Sendo assim, você terá algumas possibilidades:

– Postagem de vídeos normais;
– Criação de apresentação de slides (escolha uma sequência de fotos e gere automaticamente um vídeo a partir da montagem entre elas).
– Faça Lives: Grave vídeos ao vivo e apareça em tempo real para seus seguidores.

Se você preferir trabalhar com imagens, não tem problema, você também poderá chamar a atenção de seus seguidores. Como dica, podemos sugerir o Shutterstock, ferramenta paga que a Agência DDWB utiliza. É um dos mais conceituados bancos de imagens do mundo e é possível extrair imagens de praticamente qualquer tema em alta resolução. Caso você queira uma opção gratuita, sugerimos o freepik.com.

Posts em formato Carrossel e/ou Álbum de Fotos são interessantes pois possibilitam múltiplas fotos, e permitem a interação do usuário, e como dissemos anteriormente, o tempo de permanência do usuário em cada publicação é um dos fatores que elevam o ranking da sua fanpage.

Existem algumas dicas que podemos dar para conseguir prender a atenção dos usuários na montagem do seu anuncio gráfico. Bebês e Pets são sucesso garantido em qualquer campanha publicitária, utilize sempre que conseguir. Bordas coloridas podem fazer com que você chame atenção sem poluir sua arte. Além disso, utilizar imagens que contenham pessoas olhando ou apontando diretamente para o usuário são opções de certa forma intimidadoras, e certamente o usuário não passará despercebido pelo seu anúncio ou post.

Porém lembre-se: caso sua arte contenha textos, ou você mesmo insira textos explicativos, nunca deixe exceder 20% do espaço de sua arte, pois caso isso aconteça, suas ações patrocinadas (impulsionamentos) não serão aprovados. Confira a matéria que postamos sobre isso, acesse o link

4

Nesse momento é importante que você tenha claro em sua mente o conceito de inbound marketing. Gere conteúdo rico e relevante para seu avatar. Atraia, conecte-se com ele, engaje e encante. Faça com que ele entre nas suas redes sociais por mérito dos seus conteúdos. Faça ele entender que você se preocupa com ele. Mostre que seu objetivo não é só vender, mas também ajudar. A ideia é fazer com que seus clientes peçam pelo seu produto, sem você precisar oferecer tanto. E você conseguirá isso a partir do momento em que publicar conteúdos transformadores e que “curem alguma dor” do seu avatar, assim como citamos no começo da publicação.

Depois de escolher os tipos de conteúdo, você precisará também definir a grade de programação de postagens, definir quando postar e com qual frequência, pois a regularidade é algo muito importante. Quanto mais frequente você for, maior a chance de conseguir resultados, pois seus usuários terão o HÁBITO de ver suas postagens, assim como tomam banho, café da manhã e etc. Ou seja, você entrará na rotina do seu público-alvo.

5

Tanto no Facebook e Instagram existem diferentes opções de ações pagas, cada uma para um objetivo. Mas as mais comuns são:

– Promover sua página: Dessa forma você fará uma campanha para captação de novos fãs, para popular sua página com pessoas que estejam dentro do público alvo da sua empresa. Fãs que sejam conquistados dentro de uma segmentação de público terão uma chance muito maior de envolvimento com as suas publicações. Para viabilizar essa campanha você precisará criar anúncios de texto e imagem.
Importante: Nunca se esqueça da sua definição do seu Avatar. Toda e qualquer comunicação deve ser feita pensando no que eles procuram, e quem são essas pessoas.

– Impulsionar suas publicações: Para que suas postagens tenham um bom alcance, você pode ter a ajuda dessa outra vertente de campanha. A partir da escolhe minuciosa de interesses e perfis de púbico, você conseguirá fazer com que seus posts tenham engajamento, ou seja, as pessoas irão curtir, compartilhar, marcar umas às outras e fazer perguntas.

Esse é objetivo de toda campanhas de Facebook Branding. Quando você consegue fazer com que as pessoas interajam com seu conteúdo, entende-se que seu trabalho está sendo bem feito.

6

Muitas empresas pecam nessa etapa do trabalho. Mas depois de realizar um trabalho de muita qualidade, com targets bem definidos, boas imagens e textos, e campanhas bem segmentadas, esquecem-se de dar atenção para os usuários que engajam na página. Quando os usuários estão interagindo e questionando, significa que estão na última etapa do funil de conversão, prestes a comprar da sua empresa. Portanto, lembre-se de agradecer elogios, lidar com críticas, e principalmente tirar dúvidas, pois isso criará um laço e conexão com o usuário, e poderá fidelizá-lo contigo.

Por fim, gostaríamos que deixar claro que a gestão de redes sociais é um trabalho que precisa de consistência e persistência. Os resultados acontecem, mas precisa-se de tempo. O processo de Atração, Conexão, Engajamento e Encantamento dependerá do seu trabalho e da sua pesquisa.

Gostou? Curta e compartilhe essa ideia!

, , , , ,