Compras pelo celular: como os smartphones influenciam o comportamento do consumidor?

28 de agosto de 2017
PUBLICADO EM blog
28 de agosto de 2017 Marcelo Rama

Há vinte anos poucas pessoas pensariam que seria possível fazer compras pela internet. Naquele tempo, os mais ousados faziam apenas aquisições pelo telefone. Inovações como compras pelo celular na verdade eram apenas ligações para o televendas de uma empresa.

Os tempos mudaram! Passamos a fazer compras via internet, pelo computador. Agora, o tamanho da tela não é um empecilho para que possamos fazê-las em tablets e, principalmente, smartphones.

Se a sua empresa não pensou neste tipo de cliente, está perdendo tempo. Veremos no post de hoje que os clientes já fazem compras volumosas em seus aparelhos celulares e que precisam de ambiente confortável e rápido para fazê-las.

Pesquisas recentes

Embora parte da população tenha medo de fazer compras em ambientes virtuais e por celulares, a maioria já tem desenvoltura para adquirir seus produtos pelos smartphones. É isso que mostra as pesquisas mais recentes.

Mas não pense que isso é novidade! Já em 2014, 70% dos brasileiros já tinham efetuado ao menos uma compra em smartphones ou tablets. Se isso não bastasse, o Brasil supera as médias mundiais de venda. Isso faz com que as empresas precisem se adaptar a esses novos tempos.

No último ano, a venda por dispositivos móveis cresceu 6%. É o país com maior crescimento. Dessa maneira, é necessário que os clientes encontrem os sites e aplicativos prontos para que possam fazer suas compras onde quer que estejam com segurança, facilidade e velocidade.

Cada minuto que sua empresa resistir a melhorar sua tecnologia, significará mais dinheiro perdido e clientes cedidos à concorrência.

Site responsivo

Os sites responsivos, que se adaptam às diferentes telas, são muito importantes para que as empresas possam se comunicar com o grande número de usuários vindos de dispositivos móveis. Entre os principais problemas apresentados pelos sites que não se adaptam a esses aparelhos estão a dificuldade para leitura e o conteúdo desproporcional.

Páginas não responsivas deixam as letras em tamanho minúsculo, em que a leitura é dificultada. Dessa forma, os usuários não conseguem encontrar as informações procuradas por eles. Então, preferem procurar por sites que se adaptam aos seus aparelhos. 

Vale lembrar que os usuários têm pressa para encontrar o que procuram. Então, na primeira dificuldade, escolhem buscar por outras páginas. Sendo assim, suas páginas devem fazer o máximo para que o usuário permaneça conectado pelo maior tempo possível.

Checkout simples

Se sua empresa trabalha com vendas online, deve pensar em todo caminho que um cliente faz para concretizar uma venda. Como dito antes, os clientes podem desistir rapidamente. Por isso, caso algo dê errado em seu processo de compra, ele desistirá e procurará fazê-la em um concorrente.

Caso esse seja seu caso, repense todo o processo. Veja quais são as informações que realmente são relevantes para que uma venda seja concretizada. Tudo que não for necessário deve ser retirado.

Atualmente, há tecnologia para que seus negócios sejam feitos com um clique. Sistemas como Visa Checkout e MasterPass garantem pagamento e informações em poucos cliques e minutos. Dessa forma, o cliente fica satisfeito com a velocidade em que sua compra foi concretizada e estará desejoso por fazer mais vezes.

Outras formas de melhorar seu processo de pagamento é habilitar botões de “compra com 1 clique” nativas da sua loja virtual. Nesse caso, seu sistema utilizará informações já cadastradas para processar as demais compras.

Independentemente do método escolhido, o que é realmente importante é pensar na maneira com que o cliente precisa efetuar suas compras. Retire tudo que possa impedi-lo e estude opções para sempre diminuir o tempo gasto com uma compra. Faça com que ele gaste tempo apenas com a decisão sobre o que comprar.

Informações claras sobre os produtos

Mais uma vez vale o que dissemos antes: se o visitante precisar sair da sua loja, será difícil trazê-lo de volta. Então, além de acertar nos meios de pagamento e proporcionar uma boa experiência para usuários de dispositivos móveis, você precisa inserir as informações mais importantes de cada produto.

Embora as pessoas tenham pressa para realizar suas compras, elas querem fazer com o máximo de convicção. Com o smartphone na mão, podem pesquisar em diversas lojas virtuais e compará-las com as físicas. Esse fenômeno permite que o processo de pesquisa seja mais completo e que os usuários estejam mais habilitados para fazer compras conscientes de suas necessidades.

Normalmente as lojas virtuais possuem as informações de destaque e as adicionais. Enquanto no destaque você mostra quais são as principais vantagens do seu produto, nas adicionais você deve inserir tudo quanto possa ser útil para os usuários.

Muitas vezes subestimamos essas informações. Quando alguém possui alguma dúvida se está adquirindo o produto certo, preferirá a loja que fornece a informação mais completa.

Mas isso não é tudo: inserir o máximo de informações é útil também no processo de suporte e de devoluções. Quanto mais seus clientes estiverem aptos para tomarem suas próprias decisões, menos você terá pessoas insatisfeitas e com dúvidas pós-compra. 

Dessa maneira, o simples fato de inserir mais informações nas descrições pode proporcionar uma série de benefícios em médio prazo.

Formas de pagamento

Por fim, as condições de pagamento também devem ser facilitadas. Mesmo que atualmente seja fácil fazer transferências bancárias e pagamentos por boleto bancário, essas não devem ser as únicas opções possíveis.

Como vimos, não é adequado dar tempo para que o cliente possa desistir da negociação. Ele pode esquecer de fazer o pagamento ou transferência. Além disso, é possível que ele procure outra loja com opções de pagamento mais fáceis.

Além das opções de pagamento com apenas um clique que já vimos, inclua as principais empresas de cartão de crédito e débito. Há também empresas como Paypal e PagSeguro que automatizam grande parte da transação. No caso do Paypal, não é necessário inserir nenhuma informação após o login. Os clientes desejam ver que sua compra foi bem-sucedida. 

As compras pelo celular já são realidade. Sua empresa pode se planejar para oferecer o melhor ambiente para seus usuários ou continuar a perder dinheiro para os concorrentes, pois seus usuários continuarão a fazer compras em dispositivos móveis.

Se você quer melhorar sua tecnologia, a boa notícia é que ainda há tempo para isso. As vendas estão em expansão e seus usuários ficarão felizes em poder comprar nas lojas que já fazem habitualmente em seus computadores. Outros usuários poderão descobrir sua empresa nas lojas de aplicativos ou na pesquisa do Google.

Se você tem alguma dúvida ou experiência para compartilhar, não hesite. Diga-nos o que você pensa sobre compras pelo celular e como você está se adaptando a tudo isso. Esperamos seu comentário!