17 de outubro de 2016 Marcelo Rama

A última sexta-feira do mês de novembro não será uma sexta qualquer. A Black Friday já conquistou seu espaço no varejo brasileiro e esperada com grande ansiedade por consumidores e lojistas. O grande volume de ofertas e promoções que mobilizam uma gama diversificada de e-commerces e marketplaces atrai compradores e resulta em índices impressionantes de vendas.

1) Não estamos aqui para falar que a Black Friday é gigante!

1

 

 

2) O que 1.6 bi representa para o ecommerce?

2

 

3) Mobile | Como foi sua Black Friday em 2015?

102 milhões de usuários de Smartphones
30% dos internautas já acessam exclusivamente via mobile
45-60% share de buscas, dependendo da categoria

3

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

4) Estamos aqui para falar do que a data realmente significa

A Black Friday começou nos Estados Unidos, há mais de 80 anos, quando os varejistas viram a oportunidade de queimar seus estoques no último grande momento de venda do ano, antes de renovar os produtos para o ano seguinte. E conforme a internet cresceu, a data também ganhou espaço online.

5

 

 

 

 

 

 

5) No Brasil: A Black Friday é um pouco diferente dos EUA:

 

1) Estamos acompanhando o movimento nos últimos 5 anos
2) A data marca o começo de uma alta sazonalidade de compras, não seu fim 3)Ela não “foi para o digital”. Ela começou online e depois saiu para as ruas

 

6) E a cada ano, a data vira um período.

Buscas por termos relacionados a Black Friday (2011 – 2015):

 

6

 

 

7) 100 Milhões em 2011

> Eletroeletrônicos
> Moda
> Artigos esportivos
> Perfumes
> Eletrodomésticos

 

8) 1.6 bilhões em 2015

Pneus
Apps
Pacotes de viagem
Carros
Planos de telefonia
Clubes de compras
Cursos
Venda direta
Imóveis
Softwares
Hotéis
Passagens aéreas
Eletrônicos
Moda
Artigos esportivos
perfumes
Eletrodomésticos
Vinho/Cerveja
Café
Produtos de limpeza

9) Novembro, dezembro e janeiro são a mais alta temporada de compras no Brasil

 

7

 

 

10) Estamos certos que em 2016 a Black Friday vai, de novo superar todas as expectativas. Num período de crise as pessoas buscam pelo melhor custo!

 

8

 

11) Mas não deixam de comprar:

 

9

 

 

12) Ainda mais agora, que confiança na economia já bateu o fundo do poço e começou a retomada. Índice de Confiança do Consumidor (09-16):

 

10

 

13)

11

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

14) Quem é o consumidor que compra online? Como se comporta na Black Friday?Pesquisa Exclusiva com e-shoppers brasileiros, das classes ABC e com 18 a 54 anos.

Em primeiro lugar, os números que explicam o sucesso: Os internautas que compram online anualmente já são quase 40 milhões.

12


Fontes: Kantar IBOPE Media – Target Group Index 2016 +estimativas Google Provokers – Agosto 2016

 

15) Número de compradores só cresce

 

13

Em quais edições da Black Friday (…) você comprou algum produto ou serviço?

21% não compraram ou não se sentem seguros com as promoções ou não identificaram boas oportunidades

16) Necessidade de diferenciação:

 

Principais fatores de escolha na hora das compras online:

14

 

Considerando as compras que você realiza normalmente, ordene o que é mais importante para você escolher a loja em que pretende comprar. (% 1ª escolha) Fonte: Provokers – Agosto 2016

 

17) Necessidade de diferenciação:awareness

15

Critério de desempate: se preço, prazo e frete são iguais, o que desempata?

Na hipótese do produto que você estiver comprando apresentar o mesmo preço, prazo de entrega e valor de frete em dois sites de lojas diferentes, você escolheria um destes sites que:
Fonte: Provokers – Agosto 2016

 

18) Cartão de crédito é o viabilizador. Quais formas de pagamento mais utiliza?

 

16
Fonte: Provokers – Agosto 2016

 

19) Maioria dos consumidores gastaram entre R$ 240 e R$ 1400 no total. Quanto gastou em 2015?

 

17

 

20) Onde comprar? Onde valer a pena?

 

Considerando o tipo de loja que você comprou na Black Friday, você diria que:

18

(Escala de 5 pontos)

 

21) Antecipação das compras de Natal?

 

19% compram exclusivamente para presente 27% compram para si e para presente 53% Compram exclusivamente para si das compras de Natal? 22) O que compra? Tudo! É melhor garantir seu share of wallet.

 

 

19

 

23) E pretende comprar o que na próxima?

 

20
Fonte: Provokers Agosto 2016

 

24) Como comportamento se traduz em buscas? Largada para a maior temporada de consumo

 

21

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

25) O consumidor não gosta de JOGAR no escuro

 

22 23

 

 

 

 

 

 

 

26) E agora? O que fazer? Como juntar tudo isso?

 

24

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

27) Que marcas aproveitaram bem a Black Friday?

 

Cases:

Amazon Prime Day

 

25

-Só para membros
-Cadastro rápido para novos membros
-Mais ofertas que Black Friday
-Ofertas relâmpago a cada 10’
-Preview de ofertas e “veja o que perdeu”

28) Black November Netshoes | Zattini

 

26

 

29) Frete grátis para compras no App

 

27

 

30) Dá pra vender qualquer coisa na Black Friday

 

28

 

31) 3 caminhos

2

 

Para pensar a Black Friday
1) Equação da Black Friday
2) Dentro e Fora
3) Revolution

Confira dicas de como melhorar o desempenho da sua loja virtual dentro dos marketplaces na Black Friday.

  • Pratique Descontos Reais: Utilize a data a seu favor e pratique preços realmente mais baixos que os apresentados no calendário normal. Isto mostrará que sua empresa é correta com os seus consumidores. Aproveite esta oportunidade para conquistar novos clientes e fidelizar os atuais.
  • Faça uma boa Seleção de Produtos: Na Black Friday, os consumidores têm o sentimento de oportunidade de comprar produtos mais baratos em 24 horas”. Então, é hora de aproveitar e queimar os produtos com maior dificuldade de venda, além de outros que brevemente serão substituídos por suas versões mais modernas.
  • Crie Expectativa: Aproxime-se dos clientes dias antes da sexta-feira de promoção, com ações de e-mail marketing, divulgação nas redes sociais e campanhas de conversão em Facebook e Google. Faça pequenas campanhas dos produtos que estarão com os preços promocionais. Isto cria interesse e deixa o cliente atento para as promoções da sua loja.
  • E-mail Marketing e Mobile: Personalize o e-mail marketing e ofereça vantagens para quem chegar aos produtos em promoção por meio da mensagem recebida. Não perca a oportunidade de se aproximar dos seus clientes.
  • Prepare as plataformas mobiles para atenderem a todos durante o dia, pois as promoções atraem muito tráfego.

 

Então mãos à obra, prepare sua loja para a data mais esperada do ano! E lembre-se: a Black Friday antecede o Natal. Então, é uma excelente oportunidade de conquistar novos e fidelizar os clientes para retornarem em dezembro! Qualquer dúvida, estamos à disposição! Caso precise de um suporte com relação a essa implementação, estaremos a disposição para te ajudar!!

Conte sempre com a DDWB.