12 tipos de conteúdos para usar no Facebook e ampliar o seu engajamento

13 de setembro de 2017
PUBLICADO EM blog, Sem categoria
13 de setembro de 2017 Marcelo Rama

Ter uma Fan Page de sucesso no Facebook é o sonho de qualquer empresa. Você já sabe que o Facebook é a rede social número um no Brasil e no mundo.

Mas sabia também que, nesse ano, a plataforma registrou mais de 1.32 bilhões de acessos diários, sendo que 92% vinham apenas do mobile?

Essa é uma fatia incrível do mercado, e as chances do seu público também estar no Facebook são altíssimas!

Quer aprender como fazer conteúdos que engajam? Quer criar posts que chamem a atenção da sua persona?

Então continue lendo e aproveite dos 12 tipos diferentes de conteúdos para Facebook que separamos para você!

1

1. User Generated Content

O UGC ou User generated Content, inclui todo aquele conteúdo gerado, originalmente, por seu público.

Essa é uma maneira brilhante de aumentar o alcance de sua página e gerar algum engajamento, afinal de contas, as chances do usuário compartilhar a postagem com um conteúdo produzido por ele mesmo são bem altas.

Se você tem um e-commerce de roupas, por exemplo, pode pedir que seus usuários enviem fotos vestindo as peças.

Se o seu negócio, porém, é digital, pode pedir capturas de telas, fotos criativas com a tela do computador, montagens, depoimentos, e por aí vai.

O segredo do UGC é saber como mostrar ao seu cliente que ele é especial, e que o seu negócio se importa com ele e com o conteúdo que ele produz.

2

2. Frases motivacionais

Para potencializar o seu uso no Facebook, tente combiná-la com um design que seja a cara do seu negócio.

Quanto mais criativo, maiores as chances de interação com o seu post.

Vale até mesmo usar de citações de livros, filmes e séries. O importante é que a o conteúdo converse diretamente com a sua persona.

3

3. Making of

Conteúdos para Facebook que foquem no “por trás das câmeras” sempre despertam a curiosidade do público, além de ser uma ótima oportunidade para mostrar o diferencial do seu negócio.

Aproveite do formato do “making of” para dar voz aos seus colaboradores. Mostre quem é responsável pela entrega do seu produto ou serviço e aproveite para trabalhar o lado humanizado da empresa.

Se você tem uma linha produção extensa, vale pensar em séries inteiras que expliquem o trabalho em cada etapa para o seu cliente.

Além de aproximar o seu negócio do público, pode acabar sanando eventuais dúvidas de clientes interessados no seu produto.

4

4. Concursos e Promoções

Essa alternativa é uma das mais usadas por páginas que estão iniciando na rede.

A realização de concursos e promoções, principalmente aquelas que solicitem a interação do usuário em algum nível, é um forte chamariz para que novos usuários curtam sua página e ajudem no alcance de seus posts.

Existe uma série de concursos diferentes que podem ser realizados, mas os mais comuns são os que contam com o auxílio de apps especializados para o sorteio.

Além disso, você pode também avaliar ilustrações, selecionar frases criativas, pedir voto popular, colocar um desafio para o público etc.

Mas fique atento! A distribuição de prêmios e serviços gratuitos pelas redes sociais está sujeita a uma série de regras estabelecidas pela CAIXA Federal. Vale buscar mais sobre o assunto e conferir se o seu negócio não está quebrando nenhum item do regulamento!

5

5. Dicas e DIY

Com o recurso de vídeo e criação de álbum de fotos você pode montar tutoriais inteiros e disponibilizá-los na sua própria página do Facebook.

Pense em algo que sua persona gostaria de aprender e que tenha relação com o seu trabalho.

Podem ser tutoriais de instalação de programas, culinária, reparos rápidos, projetos manuais etc.

O importante é que o DIY seja realmente útil e estabeleça uma ponte entre seu público e o tipo de serviço ou produto que o seu negócio oferece.

6

6. Fotografias

Independente do seu nicho, fotografias bem elaboradas com certeza ajudarão no aumento do engajamento da sua página.

O recurso visual é muito mais maleável que o textual na hora de conseguir a atenção do seu leitor, e por isso acabam performando melhor do que aqueles que dispensam essa alternativa.

Você pode pensar em usos criativos que falem tanto sobre o seu produto quanto sobre sua empresa, e, apesar de ser importante, o uso de equipamentos de última geração não basta na hora de pensar em uma boa foto.

Valorize a criatividade nesse momento, construa uma narrativa com o seu conteúdo visual e, claro, pense em formatos que conversem com o seu público.

Não se esqueça de que nessa questão é fundamental considerar também a identidade visual do seu negócio.

7

7. Perguntas e respostas

Seu público costuma ter algum tipo de dúvida comum sobre o seu produto ou serviço?

Aproveite do espaço e alcance disponibilizados pelo Facebook para trazer essas respostas.

Algumas empresas separam posts em dias específicos da semana apenas para responder às dúvidas dos consumidores.

Podem ser questões comuns, como especificações de algum produto, até as mais complexas, como, por exemplo, sobre o processo de produção adotado pelo negócio.

Vale aqui entender o comportamento de sua persona e avaliar como esse tipo de espaço pode ser aproveitado, considerando também o formato ideal de acordo com os seus hábitos de consumo online.

Essa pode ser uma boa oportunidade para aproximar a empresa do público, além de garantir alguns feedbacks para a melhoria do negócio.

8

8. Depoimento de clientes

Depoimentos, reviews ou feedbacks são, muitas vezes, decisivos para que clientes optem pela compra do seu produto.

Por isso mesmo, esse tipo de conteúdo pode e deve ser considerado para o Facebook.

Se o seu público habitualmente não produz avaliações do seu produto e serviço, é hora de começar a oferecer benefícios para clientes que toparem fornecer conteúdos desse tipo.

Alguns negócios trabalham com a troca de descontos pela produção do review. Outros prometem a divulgação da página ou canal do cliente em troca da postagem de uma avaliação sincera.

Independente do formato, é importante que esse tipo de conteúdo não só seja apresentado publicamente em sua página, mas que também sirva como termômetro para a qualidade do seu serviço.

Por meio de depoimentos e revisões fica muito mais fácil entender onde é possível melhorar dentro de sua linha de produção.

9

9. Conteúdo Evergreen

Uma ótima opção de conteúdo para Facebook está no evergreen.

Esse tipo de postagem, também conhecida como “pauta fria” ou conteúdo perene, funciona como um coringa das redes sociais.

São aqueles conteúdos que sempre despertam o interesse do leitor e que independem da sensação de urgência para serem postados. São muito comuns em estratégias de Inbound Marketing.

Listas, testes, tutoriais, curiosidades, avaliações de produtos, guias, mitos e verdades etc. Todos esses formatos podem ser feitos dentro da lógica do evergreen e reaproveitados na hora de manter sua página ativa.

Pense em postagens que não tenham informações que possam se tornar ultrapassadas, como dados e estatísticas, por exemplo.

10

10. Memes e humor

O uso de memes e humor vem nas mais variadas formas: pode ser em vídeo, texto, gif animado, fotografias, ilustrações, quadrinhos etc.

Essa é uma ótima maneira de quebrar o gelo e começar um diálogo em sua rede social, mas esteja atento para os hábitos de seu público!

Entenda primeiro se o formato de humor pensado se encaixa com sua proposta de negócio e, acima de tudo, esteja certo de que sua postagem não vem carregada de preconceitos e ofensas que possam se voltar contra você.

11

11. Infográficos

Quer informar, mas não quer perder o apelo visual? Então infográficos são uma ótima opção de conteúdo para o Facebook.

Elabore templates criativos e de fácil leitura dentro das proporções de imagens do Facebook, e as chances de conseguir um compartilhamento serão altas.

Experimente mencionar outras empresas e influenciadores na hora de divulgar o seu infográfico. Vale até buscar apoio de páginas famosas nessa área como a Pictoline. Quem sabe você não garante até um guest post?

12

12. Vídeos

Hoje em dia não dá para falar mais sobre conteúdos para Facebook sem pensar nos vídeos.

Eles vêm tomando espaço na rede e estão cada vez mais sofisticados (hoje em dia é possível, inclusive, monetizar com a exibição de anúncios!).

Vídeos podem ser usados para quase tudo: making of, humor, evergreen, comunicados importantes da empresa, depoimentos de clientes, avaliação de produtos, perguntas e respostas e tudo mais que sua criatividade mandar.

Outra alternativa é a de aproveitar o formato de vídeo para realizar Live Streams dentro do Facebook. Assim é possível se conectar com o seu público em tempo real e se aproximar ainda mais de suas demandas.

Aproveite do formato ao vivo para gerar leads, comentar sobre seus produtos, mostrar promoções e hacks exclusivos etc.

Por fim, considere sempre o armazenamento do vídeo para postagem posterior. Assim, quem não pôde acompanhar no momento da gravação também terá acesso ao conteúdo.

Gostou? A produção de conteúdos para Facebook é algo que precisa ser cuidadosamente planejado na sua empresa.

Com um bom calendário editorial e conhecimento de sua persona fica muito mais fácil gerenciar a rede social e garantir retorno no seu investimento.

Quer saber mais sobre a produção de conteúdo digital? Então aproveite e leia agora nosso post sobre Marketing de Conteúdo!

Conteúdo produzido pela equipe da Rock Content.