Saiba como inserir conteúdo em vídeo na sua estratégia de marketing

24 de junho de 2019
PUBLICADO EM blog
24 de junho de 2019 Marcelo Rama

A tecnologia está muito presente na vida das pessoas, independentemente de idade, gênero ou classe, e o conteúdo em vídeo é algo que está crescendo muito na internet. Por isso, está mais do que na hora de você inserir essa modalidade na estratégia de marketing da sua empresa, pois pode trazer resultados muito melhores e mais rápidos do que somente textos ou imagens.

Você sabia que há 53 vezes mais chances de um vídeo aparecer na primeira página de uma busca? E que a taxa de cliques nesses vídeos é 41% maior? O que isso quer dizer? Que quando alguém pesquisa algum assunto no Google, os vídeos aparecerão logo de cara e a probabilidade de que alguém assista ao menos um deles é bastante alta, pois oferecem informação rápida e de qualidade.

Depois que a pessoa assiste a um vídeo, há 70% de chance de ela se lembrar do site da empresa. Isso não acontece com um texto, imagem ou som. Portanto, o investimento nesse tipo de mídia se tornou fundamental em uma estratégia de marketing, inclusive porque é possível vencer a concorrência que ainda está estagnada nos textos e solidificar uma posição muito mais favorável para a sua marca.

Continue a leitura deste artigo e descubra quais são os tipos de vídeo que podem ser produzidos para promover informações sobre o seu negócio que mais geram engajamento com o público-alvo.

Vídeos em estratégia de Inbound Marketing

Agora você deve estar se perguntando como inserir os vídeos na estratégia de Inbound Marketing da sua empresa, não é mesmo? Não basta inseri-los de qualquer maneira ou limitar-se a apenas um tipo de vídeo repetidamente.

Vamos apresentar diversas formas de usar os vídeos e, então, você pode escolher qual faz mais sentido para você, para a sua empresa e para os seus clientes:

1. Dicas rápidas

Você precisa ter em mente que, dependendo do público-alvo da sua empresa, o cliente não vai ficar muito tempo assistindo. É aí que entram as dicas rápidas: com elas, você pode variar os conteúdos e postar mais de um vídeo diariamente. O consumo fácil engaja mais seguidores, até mesmo os que buscam vídeos mais extensos.

2. Tutoriais

Muito valorizados pelo público, os tutoriais podem ser divulgados em vídeo-aula, webinar, screencast, entre outros. Nesse tipo de vídeo, você deve abordar o assunto de forma clara e objetiva, sem rodeios, a fim de ensinar algo ao espectador. Quanto mais rápido isso acontecer, mais eficiente será.

Afinal, a pessoa que quer saber como tirar uma mancha de batom da roupa, por exemplo, não vai querer saber a origem dos materiais usados ou diversas formas de fazer isso. Escolha uma ou duas maneiras eficazes e monte o seu tutorial.

3. Teasers/trailers

São vídeos curtos, geralmente com menos de três minutos, criados para lançar uma ideia, um produto, uma marca. Produzir um teasers sobre seus produtos e/ou serviços é uma boa forma de gerar expectativa no público, isso sem falar que são amplamente compartilhados nas redes sociais.

4. Cursos

Cursos online são complexos, mas também são os vídeos mais completos. Além de ser um conteúdo mais profissional, o cliente sente que está recebendo algo valioso em troca da sua fidelidade.

5. Cobertura de eventos

Quando a sua empresa participar de algum evento, faça a cobertura. De forma profissional, sempre que possível. Uma dica: mostre o que mais vai interessar ao público. Transmissões ao vivo, nesses casos, também são indicadas, mas é importante lembrar que nada muito longo gera engajamento.

6. Entrevistas

Invista em pessoas com conhecimento e com autoridade na área de atuação da sua empresa e promova entrevistas com elas. O tempo do vídeo pode variar: podem ser longos e abordar mais temas ou serem mais sucintos e objetivos.

7. Institucionais

Toda empresa deve ter um vídeo institucional para mostrar seus valores e padrões de qualidade com foco na valorização do bem-estar do cliente. Junte a sua marca com algo que seja emocionante e relevante. Será sucesso!

8. Demonstrações de produto

Esses vídeos são muito populares em empresas que estão surgindo agora, as famosas startups. Um vídeo explicativo bem-feito pode aumentar muito as vendas da sua empresa e torná-la mais reconhecida mais rápido.

9. Estudos de caso

Esses vídeos são úteis quando o cliente está indeciso entre duas marcas. O investimento geralmente é maior para filmar profissionais e depoimentos de colaboradores e clientes. É uma ótima estratégia, pois tem melhor engajamento que conteúdos escritos.

10. Stories

As redes sociais estão no auge, não é mesmo? Um tipo de vídeo que tem ganhado muito espaço são os stories, tanto no Instagram quanto no Facebook. Eles podem ser curtos ou longos, dependendo do seu objetivo. Porém, cuidado: assim como as lives, o conteúdo deve ser pensado, estudado e exposto ao público com cautela. Você tem que improvisar com profissionalismo. Essa é uma dica fundamental.

Como pôde perceber, os vídeos são a sensação do momento e geram muito mais engajamento. Por isso, deve ser uma ferramenta bastante explorada pela sua equipe de marketing. Inclusive, contar com uma empresa especializada em marketing digital para fazer os vídeos também é muito importante, porque o comprador quer credibilidade. No vídeo, você vai expor a sua marca, assim como faz em um texto ou em uma foto publicitária.

Não queira ser casual ou poupar dinheiro e fazer você mesmo, porque isso pode dar errado. Agências especializadas em conteúdo em vídeo podem orientar sobre a melhor estratégia de Inbound Marketing. Talvez dicas rápidas sejam mais eficientes do que entrevistas longas para a sua marca. Assim como tutoriais podem ser sucesso em vez de demonstrações de produto. Um especialista saberá avaliar e dizer.

Neste post, mostramos a você a importância do conteúdo em vídeo para divulgação da sua marca e, é claro, a importância de uma empresa que saiba realmente prestar esse serviço para não acabar com a sua credibilidade.

Falamos das lives, mas não da live content. Você já conhece esse termo? Ainda não? Então, venha conhecer e, quem sabe, descobrir maneiras de incluir esse conteúdo de vídeo no seu planejamento de marketing. Até a próxima!