Tudo que você precisa saber sobre a jornada do consumidor digital

29 de abril de 2019
PUBLICADO EM blog
29 de abril de 2019 Marcelo Rama

À medida que os processos de comunicação se modernizam, as empresas precisam ficar atentas e acompanhar essas tendências para se adequarem às necessidades do consumidor.

Hoje, quando pensamos no processo de venda, devemos considerar a jornada do consumidor digital, onde o público costuma realizar pesquisas online antes de tomar qualquer decisão de compra, além de comparar os possíveis produtos e serviços com base em suas necessidades, praticidade e melhor custo-benefício.

Para as empresas que querem manter o sucesso e melhorar seu diferencial competitivo, saber conversar com esse novo consumidor é o primeiro passo para se aproximar e fazer a diferença no momento da decisão de compra.

Quer entender um pouco mais sobre a jornada do consumidor digital e a comunicação mais assertiva com esse público? Continue a leitura!

O que é a jornada do consumidor digital?

A jornada do consumidor digital analisa o passo a passo do cliente até o momento em que ele realmente toma a decisão de compra.

Nessa jornada, consideramos o indivíduo desde o primeiro momento, quando ele descobre um problema/necessidade, até o momento em que decide qual produto e de qual empresa escolherá para solucioná-lo.

A jornada acompanha o desenvolvimento do consumidor. Houve um tempo em que não era necessário apresentar tantas informações, pois a concorrência e os hábitos de consumo dessas pessoas costumavam ser mais diretos.

Hoje, no entanto, com o mundo online o consumidor digital exige alguns cuidados que são fundamentais: conteúdos de qualidade, contato direto e uma comunicação cada vez mais personalizada e assertiva.

1. Consciência

A primeira etapa da jornada do consumidor digital é a consciência. Nesse momento, o seu possível cliente está descobrindo qual é o seu problema e quais são as suas necessidades.

Essa é a fase de introdução dessas questões para o consumidor. Ele acaba de entender que existe uma demanda que até então não tinha consciência. Com o reconhecimento desse problema, é hora de buscar por alternativas que serão capazes de atender à essas necessidades.

2. Consideração

No segundo estágio da jornada do consumidor ele já está ciente do seu problema e já se informou a respeito de possíveis soluções que podem ajudá-lo. Esse é o momento em que ele começa a considerar as soluções e a buscar por aquelas que são mais interessantes, práticas e com melhor custo-benefício.

Esse é um momento crítico, pois é nele que a sua empresa precisa, antes de qualquer coisa, se comunicar com o cliente e garantir que estará na mente do consumidor no momento da decisão de compra.

3. Decisão

Na reta final da jornada está a hora da decisão. Nesse ponto o consumidor já tem consciência da sua necessidade e uma lista de possíveis soluções para esse problema.

É o momento em que as empresas trabalham uma comunicação mais direta, mostrando benefícios da marca, cases de sucesso, depoimentos de clientes e muito mais. Os diferenciais da sua empresa, em relação à concorrência, precisam ser muito mais relevantes, sendo capazes de atrair a atenção do consumidor e transformar a sua solução em algo muito mais interessante para o público.

Como adaptar sua empresa para as necessidades do consumidor digital?

Para conseguir se comunicar com assertividade com o seu público é preciso se atentar a alguns detalhes. O consumidor digital está online e sua comunicação precisa estar otimizada para as plataformas virtuais.

1. Trabalhe blog posts

Trabalhar com blog posts é uma excelente maneira de educar o mercado. Nesse momento é preciso realizar algumas pesquisas de palavra-chave, considerando o seu negócio e o seu público consumidor e criar artigos que respondam às suas principais perguntas.

Na hora de criar esses materiais é interessante considerar também a jornada do consumidor digital para que você possa criar conteúdos que contemplem as três etapas: consciência, consideração e decisão.

2. Tenha materiais ricos

Os materiais ricos também ajudam a educar o mercado. Ao contrário dos blog posts, eles permitem que você trabalhe com a captação de leads. Ofereça e-books, infográficos, planilhas e webinars, por exemplo, em troca do nome e e-mail dessas pessoas.

Assim, você criará uma base de possíveis novos clientes, pois serão pessoas interessadas em seu conteúdo e, possivelmente, no seu produto.

3. Invista em ferramentas de teste

As ferramentas de teste são como os materiais ricos, mas focadas no momento de decisão de compra

Se você oferece algum tipo de serviço, esse é o momento de dar ao seu possível cliente a possibilidade de experimentar o que ele contratará, permitindo que ele conheça cada detalhe do que você oferece e que aprecie o seu diferencial diante a concorrência.

4. Faça testes A/B

Um dos benefícios mais marcantes do marketing digital é a possibilidade de criar testes A/B. Você vai poder testar o formato do conteúdo, a linguagem, as imagens e outros detalhes dos seus materiais a fim de encontrar aqueles que realmente aumentam a conversão e trazem mais resultados para o seu negócio.

5. Invista em um CRM

O CRM (Customer Relationship Management) é uma ferramenta que permite arquivar e organizar informações relevantes sobre os seus clientes para uma comunicação mais assertiva e personalizada.

Nessa ferramenta é possível entender outros detalhes sobre o seu consumidor, como a periodicidade de compra, maiores desafios, maiores dúvidas, quais produtos são mais comercializados e muito mais.

6. Invista em automação de marketing

Junto com um bom CRM, a ferramenta de automação de marketing é uma excelente opção. Ela permite que você crie e-mails e ações personalizadas de acordo com os interesses do seu público, tornando a comunicação muito mais direta e pessoal.

É, também, uma excelente forma de trabalhar o relacionamento pós-venda, o que melhora a fidelização dos clientes.

7. Esteja presente nas redes sociais

Estar presente nas redes sociais é uma forma de tornar a comunicação com o seu público bilateral. O consumidor digital está presente nessas plataformas e usa esses canais para conversar com as empresas para tirar dúvidas, fazer elogios, reclamações e muito mais.

Conhecer a jornada do consumidor digital é fundamental para adequar seu negócio às novas necessidades de mercado. Com as dicas deste artigo você conseguirá trabalhar uma comunicação muito mais assertiva com seus clientes, além de aumentar seu faturamento e o conhecimento de marca.

Uma coisa é certa: o consumidor está em constante mudança e uma empresa que quer se manter sustentável precisa acompanhar as novas necessidades, as formas de comunicação e o tipo de informação que são buscadas pelas pessoas.

Quer aprender mais sobre o assunto e transformar seu negócio em um verdadeiro sucesso? Que tal alguns conteúdos transformadores diretamente na sua caixa de entrada? Assine a nossa newsletter e receba materiais incríveis para otimizar sua empresa e melhorar seus resultados!