Gestão estratégica em tempos adversos: como se preparar?

17 de abril de 2020
PUBLICADO EM blog
17 de abril de 2020 Marcelo Rama

O coronavírus mudou completamente a forma de consumo. Com as medidas de segurança e tantas outras recomendações, diversos tipos de negócio estão precisando repensar sua forma de funcionar. Assim, a partir daí, conseguirão atender às novas necessidades do mercado.

A gestão estratégica em tempos adversos é a melhor alternativa, mas infelizmente nem todos os empresários sabem exatamente como colocar esse modelo de gestão em prática e conseguir driblar as dificuldades nesse cenário.

Está precisando de um caminho para seguir e quer ter algumas ideias de como transformar o seu restaurante em um momento tão delicado para a economia e para a sociedade?

Continue a leitura.

Quais são os principais impactos da pandemia em restaurantes e estabelecimentos alimentícios?

Uma das mudanças mais marcantes do coronavírus que impactou diretamente todos os modelos de negócio é o isolamento social contra o risco das aglomerações. Como medida de segurança, ambientes cheios de pessoas passam a ser proibidos, e isso impacta diretamente em restaurantes e estabelecimentos alimentícios.

Essa proibição fez com que empresários precisassem revisar seus modelos de negócio e encontrassem alternativas para continuar funcionando mesmo com tantas restrições.

Num contexto tão inusitado, rever as necessidades e as novas demandas dos consumidores é fundamental para seguir em frente, entregando qualidade e segurança para seus clientes.

Como a gestão estratégica pode ajudar a abrandar os efeitos da crise?

A gestão estratégica é a peça chave para conseguir transformar a realidade atual dos estabelecimentos e conseguir implementar novos diferenciais competitivos.

É fundamental que os empreendedores sejam capazes de avaliar o mercado de forma eficiente e ampla, identificar quais serão os principais desafios a serem enfrentados, quais são as fraquezas do negócio, quais são as oportunidades para esse momento e, claro, quais são os pontos fortes do empreendimento.

Com essas informações em mãos, é hora de começar a avaliar os processos internos — o modelo de negócio e as melhores alternativas para adaptar tudo isso às regras e práticas estabelecidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

O gestor estratégico será capaz de levantar opções de ações que irão permitir que a empresa continue em funcionamento, reformulando o modelo de negócios e ousando em algumas soluções.

Como os restaurantes podem se adaptar à nova realidade através da gestão estratégica?

Para que você tenha algumas ideias e consiga visualizar novos modelos de negócio para a sua empresa, confira as dicas que separamos.

1. Mude a forma de se comunicar com seu público

O primeiro passo é mudar a forma de se comunicar com o seu público. A comunicação é um fator fundamental para garantir que os consumidores saibam que o negócio está funcionando. Assim, tomarão todos os cuidados necessários para garantir a segurança e o conforto de seus clientes.

É fundamental, também, melhorar o relacionamento com essas pessoas, mostrando que a sua empresa está preocupada com a saúde e bem-estar e que, além disso, está disposta a fazer as alterações necessárias para continuar servindo com qualidade.

2. Utilize de tecnologia para melhorar e intensificar seu delivery

O delivery é uma das melhores alternativas em um momento de crise como o que estamos vivendo. É preciso aproveitar não só um delivery próprio da empresa, como também as ferramentas disponíveis no mercado para facilitarem esse processo, como os aplicativos de entrega.

Em um momento de isolamento social, as pessoas estão evitando sair de casa para consumir, e esperam que os estabelecimentos sejam capazes de levar até elas os seus produtos através de um processo seguro e eficiente.

Avalie quais das alternativas são mais vantajosas para o modelo e estrutura do seu restaurante e comece a investir nesse tipo de serviço. Comunique aos seus clientes que a partir de agora eles podem contar com uma opção de delivery e mãos à obra!

3. Defina uma boa estratégia de marketing digital

Um dos primeiros cortes que as organizações fazem em um momento de crise é na comunicação. No entanto, sabemos que esse é um momento muito delicado. Entretanto, a comunicação eficiente e bem feita é o grande diferencial para que as empresas continuem caminhando mesmo em tempos tão turbulentos.

Por isso, para garantir que você consiga manter as portas abertas e servir com qualidade todos os seus clientes, é necessário definir estratégias de marketing digital.

As redes sociais são sempre uma excelente alternativa. Consumidores tendem a buscar por possíveis informações nesses canais, como cardápio, telefone de contato, horário de funcionamento, como o delivery está funcionando e outros detalhes.

Certifique-se de que essas informações estão escritas e apresentadas de forma simples e clara, facilitando o entendimento e o acesso a elas.

4. Reveja processos de produção e reforce cuidados com a higiene

Com as medidas de segurança da Organização Mundial de Saúde (OMS), será necessário rever todos os processos de produção dentro da empresa e atualizá-los para seguir as melhores práticas.

Isso inclui não só reforçar as medidas de higiene na produção das refeições como otimizá-las para as novas demandas de entregas.

Reavalie todos os processos dentro do seu restaurante e veja onde será necessário fazer modificações para manter a segurança não só dos clientes, como também dos profissionais que estão dentro da empresa todos os dias.

5. Conscientize seus clientes

Além de implementar todas as medidas sanitárias indispensáveis para conseguir entregar os produtos com qualidade e segurança, também é fundamental reforçar com seus consumidores os cuidados essenciais para esse momento.

Utilize as redes sociais e outras plataformas de contato para lembrá-los da importância de seguirem as recomendações da OMS e garantir a saúde e a segurança de todos ao redor.

A gestão estratégica é a melhor alternativa para sobreviver aos tempos de crise e conseguir retomar as rédeas da situação. Então, em um momento de tantas incertezas e muitas dúvidas para restaurantes e estabelecimentos alimentícios. Por isso, seus gestores precisam buscar alternativas que irão ajudar nesse novo contexto.

A saída será encontrada nas necessidades e demandas dos clientes e, a partir daí, promover adaptações no modelo de negócio para a melhor alternativa possível. Os resultados disso podem ser excelentes, desde que o trabalho seja feito com atenção, criatividade, coragem e muita disciplina.

Ainda tem alguma dúvida sobre o assunto? Está investindo em uma outra solução que gostaria de compartilhar conosco? Deixe um comentário!